Skip to content

Quando será pago o 14º salário do pensionista do INSS? ver datas agendadas

Mais um ano começou e aposentados e aposentados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) ainda aguardam o pagamento do 14º salário. O projeto que determina o pagamento de complemento salarial a 36 milhões de segurados foi apresentado em agosto de 2020 e desde então a proposta pouco avançou na realização do benefício.

Se você acompanha as notícias sobre benefícios sociais, saberá que nos últimos meses o projeto de lei n.4367/20, que estabelece o depósito adicional, foi aprovado por algumas comissões internas da Câmara de Salário INSS 14 ser aprovado, ainda há mais passos a serem dados.

O PL XIV estava bloqueado nas comissões da Câmara dos Deputados desde dezembro do ano passado devido à pausa. Conforme relatado aqui, a proposta foi feita pela diretoria em 3 de fevereiro, quando o pedido de inclusão na ordem do dia foi rejeitado.

Até o momento, o projeto 14º salário do INSS já recebeu parecer favorável das Comissões de Previdência e Família e de Fazenda e Fiscais. O projeto ainda precisa ser analisado pela Comissão Constitucional de Justiça e Cidadania (CCJ) para ser submetido à votação de todo o Senado e, posteriormente, à aprovação presidencial.

O 14º salário do INSS será pago em março?

Se a décima quarta para aposentados ainda não foi aprovada, por que as datas de pagamento já estão em vigor? Nós explicamos para você. O projeto de lei elaborado pelo deputado Pompeo de Mattos (PDT/RS) estabelece que o o pagamento de 14 salários do INSS é dado em março de 2022 e 2023.

Por esse motivo é possível antecipar o momento de pagamento do benefício, pois seria depositado com o benefício usual de pensionistas e pensionistas.

De acordo com o calendário do INSS 2022, o benefício referente ao mês de março será pago nas seguintes datas:

Cronograma de pagamento do INSS em março para quem ganha 1 salário mínimo)
fim de Serviço Data para arquivamento
uma 25 de março
deles 28 de março
3 29 de março
4 30 de março
5 31 de março
6 1º de abril
7 4 de abril
8 5 de abril
9 06 de abril
0 07 de abril
Programa de pagamento do INSS em março para quem ganha MAIS de 1 salário mínimo
fim de Serviço Data para arquivamento
1 e 6 1º de abril
2 e 7 4 de abril
3 e 8 5 de abril
4 e 9 06 de abril
5 e 0 07 de abril

A previsão de pagamento para março estava no conteúdo do projeto de lei, mas para que se concretizasse, a proposta precisava ser aprovada em tempo hábil, o que não aconteceu.

Portanto, ainda não foi confirmado o pagamento do 14º salário do INSS referente ao ano de 2022.

O complemento salarial será pago aos pensionistas e pensionistas que em 2020 e 2021 receberam o décimo terceiro adiantamento devido à pandemia de Covid-19. Segundo os parlamentares, mesmo que na época o adiantamento dos valores fosse uma medida necessária, muitos segurados se viram sem o complemento de renda habitual no final do ano, quando esse benefício é mais necessário no bolso.

Sem muitos detalhes sobre o número de pessoas que terão direito ao benefício, o valor do salário 14 INSS Já parece bem montado. De acordo com o texto do projeto de lei, o adicional será limitado a dois salários mínimos para cada segurado.

Portanto, a parcela salarial 14 deve ser 1.212 reais este ano e reajustado em 2023 de acordo com o plano nacional aprovado para o próximo ano.

O 13º de aposentados será antecipado?

Além das datas do 14º salário, já é conhecido o calendário de pagamento de outro complemento salarial: 13º entre pensionistas e pensionistas INSS. O primeiro pagamento estava previsto para agosto para os 36 milhões de segurados.

O calendário do décimo terceiro INSS é definido com base no decreto n. 10.410 que dispõe sobre o pagamento da primeira parcela em agosto e o pagamento da segunda parcela em novembro.

Nos últimos dois anos (2020 e 2021), o governo decidiu antecipar este pagamento para os meses de maio e junho devido à pandemia. O ministro do Trabalho e Assuntos Sociais, Onyx Lorenzoni, confirmou na semana passada que a medida será utilizada novamente este ano.

O adiantamento de 13 salários do INSS será anunciado oficialmente pelo presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia no Palazzo Planalto nesta quinta-feira 17.

O pagamento do décimo terceiro é exigido por lei para quem tenha recebido, nos últimos 12 meses, benefícios como pensão, morte, doença, acidente ou parto.

Veja no artigo apresentado abaixo como deve ser o cronograma da 1ª e 2ª parcelas do 13º salário: